Programa Bolsa Permanência abre inscrições para indígenas e quilombolas

por Redação 2 Leitura mínima

O Governo Federal abriu inscrições para o Programa de Bolsa Permanência (PBP). O edital é voltado para indígenas e quilombolas. As inscrições podem ser feitas até 30 de junho, por meio do Sistema de Gestão da Bolsa Permanência (SISBP), no site http://sisbp.mec.gov.br.

REAJUSTE: Em fevereiro, o Governo Federal realizou o primeiro reajuste da Bolsa Permanência desde que foi criada, em 2013. Os percentuais de aumento variam de 55% a 75%. De acordo com a Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai), entre 2017 e 2022 foi registrada uma redução de 14% no número de estudantes indígenas atendidos pela Bolsa Permanência, contrariando a realidade dos anos anteriores e ocasionando situações de vulnerabilidade e desistência. 

O QUE É – A Bolsa Permanência é um auxílio financeiro que tem por finalidade minimizar desigualdades sociais, étnico-raciais e contribuir para permanência e diplomação dos estudantes de graduação em situação de vulnerabilidade socioeconômica, em especial, os indígenas e quilombolas.

COMPROVAÇÃO – A comprovação da condição de estudante indígena e quilombola depende de uma documentação mínima de:

» Autodeclaração do candidato

» Declaração de sua comunidade e condição de pertencimento étnico, assinada por pelo menos três lideranças reconhecidas

» Declaração da Fundação Nacional do Índio (Funai) de que o estudante indígena reside em comunidade indígena ou comprovante de residência em comunidade indígena

» E declaração da Fundação Cultural Palmares de que o estudante quilombola reside em comunidade remanescente de quilombo ou comprovante de residência em comunidade quilombola



Fonte: Externa

ofertas amazon promoção
Clique acima para adicionar um desconto excluivo na Amazon! Aproveite as ofertas de hoje.
Compartilhe esse artigo
Deixe um comentário